Projeto Pronto para Fábricas de Charque, Charqueadas e Fábricas de Jerked Beef (Carne Salgada) [1]

Fábricas de Charque,Carne Seca,Carne de Sol,Jerked Beef (Carne Salgada)

 

FRIG-079

Como Montar Fábrica de Charque (com recepção de carcaças) com capacidade para 1.000 quilos por dia.
Estudos de Viabilidade, Planos de Negócios, Projetos

FRIG-080

Projeto de Fábrica de Charque (com recepção de carcaças) com capacidade para 3.000 quilos por dia.
Projetos em AutoCAD, em Revit, DWG, PDF

FRIG-081

Como Montar Fábrica de Charque (com recepção de carcaças) com capacidade para 5.000 quilos por dia.
Projetos de Financiamento, Plantas e Layout

FRIG-082

Planta Baixa de Fábrica de Charque (com recepção de carcaças) com capacidade para 10.000 quilos por dia.
Consultoria, Empreendorismo, Business Plan

FRIG-083

Como Montar Fábrica de Charque (com recepção de carne desossada) com capacidade para 1.000 quilos por dia.
Fluxogramas, Orçamento de Obras, Lista de Equipamentos

FRIG-084

Layout de Fábrica de Charque (com recepção de carne desossada) com capacidade para 3.000 quilos por dia.
Projetos em 3D, Memoriais, Cronogramas

FRIG-085

Como Montar Fábrica de Charque (com recepção de carne desossada) com capacidade para 5.000 quilos por dia.
Estudos de Viabilidade, Planos de Negócios, Projetos

FRIG-086

Projeto de Fábrica de Charque (com recepção de carne desossada) com capacidade para 10.000 quilos por dia.
Projetos em AutoCAD, em Revit, DWG, PDF

FRIG-087

Como Montar Fábrica de Embutidos, Charque e Jerked Beef (com recepção de carcaças) com capacidade para 1.000 quilos por dia.
Projetos de Financiamento, Plantas e Layout

FRIG-088

Planta Baixa de Fábrica de Embutidos, Charque e Jerked Beef (com recepção de carcaças) com capacidade para 3.000 quilos por dia.
Consultoria, Empreendorismo, Business Plan

FRIG-089

Como Montar Fábrica de Embutidos, Charque e Jerked Beef (com recepção de carcaças) com capacidade para 5.000 quilos por dia.
Fluxogramas, Orçamento de Obras, Lista de Equipamentos

FRIG-090

Layout de Fábrica de Embutidos, Charque e Jerked Beef (com recepção de carcaças) com capacidade para 10.000 quilos por dia.
Projetos em 3D, Memoriais, Cronogramas

FRIG-091

Como Montar Fábrica de Embutidos, Charque e Jerked Beef (com recepção de carne desossada) com capacidade para 1.000 quilos por dia.
Estudos de Viabilidade, Planos de Negócios, Projetos

FRIG-092

Projeto de Fábrica de Embutidos, Charque e Jerked Beef (com recepção de carne desossada) com capacidade para 3.000 quilos por dia.
Projetos em AutoCAD, em Revit, DWG, PDF

FRIG-093

Como Montar Fábrica de Embutidos, Charque e Jerked Beef (com recepção de carne desossada) com capacidade para 5.000 quilos por dia.
Projetos de Financiamento, Plantas e Layout

FRIG-094

Planta Baixa de Fábrica de Embutidos, Charque e Jerked Beef (com recepção de carne desossada) com capacidade para 10.000 quilos por dia.
Consultoria, Empreendorismo, Business Plan

FRIG-095

Como Montar Fábrica de Jerked Beef (Carne Fresca Salgada), com recepção de carcaças, com capacidade para 1.000 quilos por dia.
Fluxogramas, Orçamento de Obras, Lista de Equipamentos

FRIG-096

Layout de Fábrica de Jerked Beef (Carne Fresca Salgada), com recepção de carcaças, com capacidade para 3.000 quilos por dia.
Projetos em 3D, Memoriais, Cronogramas

FRIG-097

Como Montar Fábrica de Jerked Beef (Carne Fresca Salgada), com recepção de carcaças, com capacidade para 5.000 quilos por dia.
Estudos de Viabilidade, Planos de Negócios, Projetos

FRIG-098

Projeto de Fábrica de Jerked Beef (Carne Fresca Salgada), com recepção de carcaças, com capacidade para 10.000 quilos por dia.
Projetos em AutoCAD, em Revit, DWG, PDF

Próxima Página - ver mais projetos

 

Fábricas de Charque, Charqueadas e Fábricas de Jerked Beef (Carne Salgada)

Fábricas de Charque, Charqueadas e Fábricas de Jerked Beef (Carne Salgada)

Há tempos já se utiliza a desidratação e a salga da carne como método de conservação e manutenção do excedente. O jerked beef ou beef jerky, como é conhecido nos Estados Unidos, é uma carne com pouca gordura (carne magra), cortada em tiras antes de ser salgada e seca; o sal deve ser acrescentado à carne antes depois de cortada, mas antes da secagem, a fim de se evitar a proliferação de bactérias na carne antes da eliminação da água. Existe um grande mercado para esse tipo de carne no mundo todo, assim, pessoas que optam por esse ramo de alimento, podem fazer comércio desde dentro da própria cidade e até exportando para diversas partes, esse tipo de negócio, embora tenha algumas peculiaridades, pode ser bastante estável e lucrativo, desde que bem administrado.Esse tipo de carne tem alto valor nutricional já que é composta de grande quantidade de proteínas e aminoácidos importantes e possui pouca gordura, além disso, geralmente, não precisa ser mantida sob refrigeração, tornado-a assim, um produto interessante pela facilidade no transporte e armazenamento.
A carne seca (oficialmente conhecida como carne bovina salgada curada seca) é a sucessora do charque e o jerked beef é o sucessor da carne seca. O jerked beef possui coloração vermelha devido à presença de nitrito que compõe a salmoura que é injetada na matéria prima durante o processo de fabricação, inclusive o nome comercial jerked beef tem como tradução carne injetada ou seja, carne com injeção de salmoura. O processo de fabricação é bem semelhante ao do charque, a diferença está na presença de nitrito na salmoura do jerked beef e também na maior quantidade de água (maior umidade) no produto final. O alimento costuma ser embalado à vácuo, podendo ser a embalagem preenchida com nitrogênio e selada, esse procedimento, acaba com o oxigênio presente dentro da embalagem evitando que o produto estrague.
O charque é o produto resultante da salga de carne desossada e exposta diretamente ao sol até o momento que perca água o suficiente para manutenção de sua preservação sem refrigeração. A dessecação é feita colocando-se o produto já com sal estendido em varais descobertos obedecendo o sentido norte-sul, otimizando a presença do sol ao longo do dia. Geralmente são necessários entre 2 a 5 dias de exposição diária de cerca de 12 horas, variando conforme as condições climáticas de cada região. Os cortes utilizados para fabricação do charque geralmente são quartos dianteiros, ponta de agulha, lagarto, dentre muitos outros. Antes da embalagem o produto final deve ser prensado e cortado e depois envolvido em embalagem plástica.
O controle de qualidade é fator de grande importância nesse tipo de indústria, esse setor verifica se o produto final atende as exigências dos órgãos fiscalizadores no que diz respeito à padrões e identidades a serem respeitados, desde as boas condições da matéria prima utilizada na produção, até o local adequado para armazenamento do produto acabado. A fiscalização sobre os produtos cárneos é bastante severa, uma vez que uma carne de má qualidade representa grande risco à saúde dos consumidores, assim a certificação da matéria prima é tão importante quanto a do produto final.


 

Contatos:

Caso tenha alguma dúvida, entre em contato pelos telefones:

Brasil 35.3721.1488 Outros Países +55.35.3721.1488
Ou pelo WhatsApp:
+55.35.99730.7627